Mãe


10177232_617541591663000_247002758_n (1)Mãe
Entre a distância da Dor
Daquela manhã primaveril e bela
Em que me pariste
E o dia de hoje
Em que todos me sugaram de ti
Já nos perdemos
Só o Amor nos prende ainda
Esse laço infinito
De Alegria e Dor
De infância com sabor
A marmelada
Da limonada no quintal
Debaixo da laranjeira
E minhas mãos inseguras nas tuas
Rua abaixo.

© Célia Moura 25/07/2012
(Raúl Antonio García Lamoso Photography)

Anúncios

Deixar um comentário:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s