Quando a vida me revirou do avesso


10322804_670230789692525_7532663007668016925_nQuando a vida me revirou do avesso ficando suspensa no olhar das gentes e num bisturi, a 180.º rasgada, prostrada em Ti, sem sentir o Teu Abraço meu Senhor, foi aí que descobri que resisti sem um só grito porque Tu estavas dentro de mim.

Tu és a água que me sacia em pleno Deserto, a Luz que me guia nesta incerta travessia.

Obrigada Aba Pai.

© Célia Moura – 29.V.2014
(Caras Ionut Painting)

Anúncios

Deixar um comentário:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s