Não precisas beijar as pedras com que um dia te apedrejaram


10868152_749607931789698_578284608667144852_n (1)Não precisas beijar as pedras com que um dia te apedrejaram, mas também não necessitas odiá-las para sempre, porque criarás uma cratera na tua alma e a vida inteira serás apedrejado.
Não foram elas quem te feriram, foram as mãos que as lançaram.

Agarra nelas, tão desamparadas estão pelo chão, edifica nelas a tua montanha e acende uma vela branca.

© Célia Moura
(Imagem – “Google” – desconhecida a autoria)

Anúncios

Deixar um comentário:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s