Tenho uma garça inflamada


1240278_524402634310230_1725306563_n (1)Tenho uma garça inflamada de sonhos no lugar do coração e do meu ventre gritam araras,
Desde o dia que de mim partiste
E sinto-te tal como a chuva abençoada que me encharca os negros cabelos,
Me esborrata a maquilhaquem do rosto
E faz dançar no terreiro

Tenho uma caixa de Pandora nos olhos da saudade
O esboço das tuas mãos nos meus seios
E flamingos como companheiros
Para ir…

© Célia Moura – A publicar 26/09/2013
(Steve Richard Photography)

Anúncios

Deixar um comentário:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s