Exílios


942464_505724572809815_35492813_nExílios
Que o teu sorriso me prenda
A este lugar incauto
Cravejado de olhares famintos
E prevaleça intacto
No semblante já exausto das ruas
Que minhas mãos afagam
Dignidade de ti
Entrelaçando memórias (in)certas
Exiladas
No jardim da espera.

© Célia Moura (A publicar) (08.Maio.2013)
(Ilustração – Obra de Antonio Tamburro)

Anúncios

Deixar um comentário:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s